August 13, 2018

December 18, 2017

Please reload

Posts Recentes

Comprometimento

December 18, 2017

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

A triste dor da despedida

June 28, 2017

Despedir-se de uma pessoa próxima é uma tarefa dolorosa para maioria das pessoas. A proximidade cria vínculos que nos amarra, e o sentimento quando nos afastamos, é de que está faltando algo em nós, que parte de nós se foi.

 

Essa sensação ocorre mais repentinamente em caso de falecimento, mas também é muito frequente em divórcios. O relacionamento chegou ao fim para apenas uma das partes, para outra é apenas o início de um sofrimento, esse sofrimento nós chamamos de sofrimento da alma. 

 

A dor do sofrimento da alma, muito conhecida no budismo e citado por Buda Saquiamoni nas quatro nobres verdades, não é uma dor física mas pode desencadear para isso, e tem seus efeitos no chakra cardíaco, consequentemente no coração.

Isso ocorre porque é o chakra cardíaco responsável por nossa conexão com o amor, e no momento da separação esse amor que era compartilhado por esse chakra fica deficitário. Nas relações humanas é nesse chakra que ocorre o compartilhamento do amor. Portanto para que você passe por esse período sem sofrimento é necessário o fortalecimento desse chakra, é necessário buscar em si próprio o amor.

 

Nada ocorre em nossas vidas por acaso, tudo tem uma razão de ser e acontecer. Muitas vezes a separação ocorre para que possamos resgatar esse amor em nós mesmo, fortalecer isso em nós, nos dará força para seguir em frente.

 

Primeiramente é preciso compreender o que é o amor. No momento em que você começar a entender qual o sentido dessa palavra e começar a trilhar o caminho, você estará se reerguendo, se fortalecendo.

 

O amor não é apenas um sentimento, amor é atitude. Amor próprio é atitude, diferente do egoísmo, amor próprio é cuidar de si mesmo. Quem ama, cuida! Você já se olho no espelho hoje? Viu que o tempo passou e você continua sendo a mesma pessoa, porém mais velha, descuidada, com dores em todo o corpo, olheiras, pele ressecada... Vamos lá ! Vamos fazer exercício, caminhar, sair, se divertir, ler, estudar, enfim.... Vamos nos amar mais !

 

A partir do momento em que nos amamos mais, não há espaço para dor na alma, e isso não significa esquecer o passado, isso significa se reconhecer e se desenvolver. A técnica do ThetaHealing pode nos proporcionar uma conexão com nós mesmo, fará você ver a vida sobre uma nova perspectiva, você irá se cuidar não apenas superficialmente, não apenas por fora, mas cuidar do seu ser interno.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter