August 13, 2018

December 18, 2017

Please reload

Posts Recentes

Comprometimento

December 18, 2017

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

Por que tantos cursos?

August 13, 2018

Hoje li um comentário nas redes sociais que me inspirou a escrever esse texto. O comentário foi realizado em um post de um curso de neuroplasticidade emocional, e dizia em poucas palavras exatamente assim: "É tanto nome de curso que inventam por aí e as pessoas não entendem que a mudança é interna, que é só a pessoa se trabalhar que não precisa de curso nenhum". 

 

Na sequência alguns post defendendo o comentário e outros criticando, e falando a mesma coisa só que de forma diferente. Os que defendiam falavam que realmente a mudança é interna mas que as vezes precisamos de um gatilho.

 

Vejo que muitos estão despertando. A vontade de mudar o mundo a sua volta é o despertar da consciência. Só quê, para que esse mundo mude, não basta vontade. Tem que ter ação e sabedoria. Mudar a si próprio é o primeiro passo, mas como mudar? o que tenho que mudar em mim? e como o mundo a minha volta irá mudar se eu mudar? 

 

A mudança interna pode nos proporcionar uma melhora na maneira que vemos o mundo, na realidade irá proporcionar uma aceitação do mundo que nos cerca. Você aprende a aceitar que, as pessoas de maneira geral, tem erros, são injustas, algumas rudes, outras infelizes e por mais rudes e grossas que essas pessoas se apresentem a você; isso não irá lhe afetar. A mudança interna lhe proporciona isso, lhe proporciona também a reação que você terá ao se deparar com as provações que a vida lhe trouxer. 

 

A mudança interna é importante para todos nós, só quê, por mais que você mude, o mundo a sua volta não irá mudar se você não fizer nada para que ele mude. A mudança interna lhe trará uma compreensão e aceitação melhor do munda a sua volta, mas não irá mudá-lo. É como um copo de água pura que ao ser lançada a lama nela se transforma. Por isso é preciso muito mais que uma mudança interna, vejam vocês que os grandes mestres da humanidade mudaram a si próprio, mas essa mudança não mudou completamente o mundo. Sim, contribuíram para grandes mudanças, mas é preciso muito mais.

 

Nosso mundo é feito de pessoas, é habitado por seres humanos e cada um de nós somos e fazemos parte do processo evolutivo desse planeta. Para que ele mude é preciso que uns ajudem os outros, por isso vejo que quanto mais cursos, mais técnicas novas surgem, significa que mais pessoas estão engajadas nesse processo.  

 

Saudações a todos, paz e luz. Robinson Amaral

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter